AÇÕES DE MARKETING

T3 de Medicina faz plantio simbólico de árvore no Câmpus II

Segundo os representantes da turma, a ideia de plantar uma árvore simboliza as raízes criadas pelos estudantes na UniFAI; espécie escolhida foi o baobá africano

por Daniel Torres de Albuquerque




imageimageimageimage

Ideia de plantar uma árvore simboliza as raízes criadas pelos estudantes de Medicina na UniFAI, especialmente em Adamantina; espécie escolhida foi o baobá africano
Foto de Arquivo Pessoal

A Turma 3 (T3) do curso de Medicina do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI) realizou nesta terça-feira, 6, o plantio simbólico de uma árvore nos jardins do Câmpus II, próximo ao novo Bloco V.

Segundo os representantes da turma, a ideia de plantar uma árvore simboliza “as raízes criadas por nós na UniFAI, especialmente no município de Adamantina”. E a muda de baobá africano, sugerida pelo Prof. Esp. Renato Bolgue Cardin, trata justamente disso.

“[O baobá africano é] uma árvore extremamente resistente, com traços marcantes, únicos, com um tronco de forma característica - tal qual a Turma 3 de Medicina da UniFAI. Árvore que inspira lendas, ritos e até mesmo poesias. Não poderíamos utilizar outra espécie para dar significado à poesia que é a formação em Medicina”, expressaram os alunos.

Voltar ao TOPO