NOTÍCIAS

UniFAI apresenta proposta de PL que concede desconto de 20% nas mensalidades de maio e junho

Ação é mais uma medida tomada pela Reitoria para enfrentar os desafios da pandemia de Covid-19; Projeto de Lei, encaminhado ao Executivo, será apreciado pela Câmara na noite desta quarta, 22

por Daniel Torres




image

Reitoria da UniFAI apresenta proposta de PL que concede desconto de 20% nas mensalidades
Foto de Arquivo UniFAI

Após estudos junto à Procuradoria Geral da Instituição e à Divisão Financeira, o reitor do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI), Prof. Dr. Paulo Sergio da Silva, e sua equipe apresentaram ao prefeito Márcio Cardim (DEM) uma proposta de Projeto de Lei (PL) que permite a concessão de desconto sobre as mensalidades e semestralidades cobradas durante o período de calamidade pública decretada em razão da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

 

Preocupada com a realidade das dificuldades financeiras impostas pelo período de distanciamento social às famílias dos universitários, a Reitoria da UniFAI decidiu propor ao Poder Executivo autorizar a concessão de desconto de 20% sobre o valor das mensalidades dos meses de maio e junho de 2020. Propõe, também, ao aluno que tenha quitado a semestralidade requerer o reembolso proporcional do desconto a que teria direito.

 

A proposta do PL prevê, ainda, não haver incidência de juros moratórios e de multa contratual, decorrentes do inadimplemento, se as mensalidades correspondentes a maio e junho forem quitadas até o último dia útil dos respectivos meses.

 

A ideia é que as despesas decorrentes da execução do PL correrão por conta das dotações orçamentárias próprias, suplementadas se necessário.

 

O PL foi encaminhado pelo prefeito para apreciação da Câmara Municipal, que deve se reunir em sessão extraordinária na noite desta quarta-feira, 22. Caso aprovado, o Projeto de Lei deverá ser sancionado pelo chefe do Executivo para que entre em vigor.

 

Ações

 

Desde o início das ações de combate ao avanço da pandemia no Brasil, nas primeiras semanas de março, a Reitoria da UniFAI tem tomado uma série de medidas  em consonância com as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), do Ministério da Saúde e do Governo do Estado de São Paulo, que visam proteger seus alunos, docentes e servidores em relação à exposição ao vírus e, ao mesmo tempo, atenuar suas consequências tanto na prestação do serviço acadêmico quanto na saúde financeira da Instituição.

 

É importante lembrar que, mesmo com a ausência das aulas presenciais desde o dia 17 de março, atividades acadêmicas continuaram a ser disponibilizadas aos alunos a distância, por meio da Central do Aluno, no Portal da UniFAI.

 

Em um primeiro momento, a UniFAI decidiu auxiliar os alunos que não conseguirem manter em dia as mensalidades do primeiro semestre de 2020 em razão do impacto das medidas de contenção à pandemia, com a possibilidade de, no ato da rematrícula do segundo semestre, dividir o saldo devedor em até 18 prestações.

 

Outra medida tomada, após o anúncio do prolongamento da quarentena determinado pelo Governo do Estado de São Paulo, foi a antecipação das férias de julho para o período de 13 a 30 de abril.

 

Frente a isso, a Reitoria imediatamente determinou os estudos junto à Procuradoria Geral da UniFAI e à Divisão Financeira para chegar, com o devido planejamento, a uma proposta equilibrada e responsável que permitisse a concessão de desconto nas mensalidades e semestralidades em benefício dos estudantes universitários e sem prejuízos em curto e médio prazos ao caixa da Instituição.

 

Voltar ao TOPO