NOTÍCIAS

Medicina Veterinária tem encontros on-line para Grupos de Estudos

Grupo de Estudos de Animais Silvestres e o de Grandes Animais são coordenados, respectivamente, pelos docentes Prof. Me. José Antônio Marciano e Prof.ª Dra. Sandra Helena Gabaldi Wolf

por Priscila Caldeira




imageimageimageimage

GEGA durante reunião on-line de primeiro bate-papo em novembro de 2020
Foto de Arquivo Pessoal

O curso de Medicina Veterinária do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI) mantém grupos de estudos voluntários extraclasse para aprofundamento em algumas áreas.

 

O Grupo de Estudos de Animais Silvestres (GEAS) e o Grupo de Estudos em Grandes Animais (GEGAUniFAI) são coordenados, respectivamente, pelos docentes Prof. Me. José Antônio Marciano e Prof.ª Dra. Sandra Helena Gabaldi Wolf.

 

De forma remota desde o início da pandemia, os encontros de ambos os grupos ocorrem semanalmente.

 

 

Grupo de Estudos de Animais Silvestres completa dez anos

 

O GEAS, um dos mais antigos da Medicina Veterinária, foi fundado pelo professor José Antônio, coordenador e supervisor técnico, em 2011. Seus dez anos de existência são comemorados neste mês de agosto.

 

“À época, o presidente foi Luis Fernando Iura Prado e teve como vice-presidente Diana Carolina Waack Freitas, além de Amanda do Carmo Camilo”, afirma o docente.

 

Com cerca de 25 participantes, o grupo estuda mamíferos, aves e répteis com foco em anatomia, fisiologia, patologia, manejo e biologia geral das espécies, doenças, atendimento clínico e cirúrgico, entre outros assuntos relacionados.

 

As normas para participação são de que os estudantes estejam vinculados à UniFAI e estejam ao menos no 3° termo dos cursos de Medicina Veterinária ou Ciências Biológicas.

 

“Os alunos estudam artigos científicos, livros e relatos de revistas da área na parte teórica, tendo a necessidade de que todos os integrantes apresentem seminários para a discussão posterior. Com relação à parte prática do curso, eu ensino e supervisiono o atendimento a animais não convencionais trazidos a Clínica Veterinária (CLIVET) da UniFAI”, explica o docente.

 

No GEAS, os estudantes aprendem a observar e manipular espécies de animais não convencionais, técnicas de enfermagem e tratamento clínico e cirúrgico dessas espécies e desenvolvem técnicas de prevenção aos animais que habitam juntos ao silvestre. Descrevem, de forma científica, os achados relevantes por meio de participação em congressos como o CIC UniFAI.

 

“O Grupo de Estudos de Animais Silvestres se reuniu até o período pré-pandêmico presencialmente, desde então os encontros são on-line. Para participar, o interessado deve mandar um e-mail para joseantoniomarciano@fai.com.br a fim de  inseri-lo no Classroom”, ressalta Marciano.

 

 

Grupo de Estudos em Grandes Animais

 

Criado em maio de 2020, o GEGA tem o objetivo de incentivar a proatividade dos alunos na busca da informação na área de manejo, clínica, cirurgia e reprodução animal em grandes animais, tais como equinos, bovinos, búfalos, ovinos, caprinos e suínos.

 

Com o retorno presencial das aulas do curso de Medicina Veterinária neste semestre, a professora responsável pelo GEGA afirma que a intenção é que as reuniões do grupo ocorram de forma híbrida: presencial e on-line. “Neste ano iremos nos aprofundar na produção de bovinos de leite”, aponta.

 

Sandra adianta que haverá uma visita virtual à fazenda Floresta, da cidade de Lins, referência em bovino de leite, por meio de dois alunos integrantes do grupo que cumprem estágio curricular nessa propriedade.

 

“Estudamos e nos aprofundamos em doenças genéticas de equinos, neonatologia de bovinos e neonatologia de equinos. Neste último tema, tivemos a participação de nossa ex-aluna Franciele Pereira Carneiro que atualmente faz mestrado em Reprodução Animal na USP, cuja linha de pesquisa é Neonatologia de Equinos Nascidos de Clonagem (Projeto Clones Equinos)”, explica a docente.

 

O estudante interessado em integrar o GEGA, precisa entrar em contato com a Prof.ª Sandra ou com o presidente Guilherme França, do 10° termo, para que seja inserido no grupo de WhatsApp e no Classroom do GEGAUniFAI.


A turma do GEGA possui 18 participantes do 1° ao 5° ano.

 

Voltar ao TOPO